Os 5 Erros Cometidos Sobre o Ativo Que Vale Mais Do Que Dinheiro

 

O dinheiro é muito valioso. Ele possibilita liberdade, bens materiais, círculos sociais restritos, oportunidades exclusivas e uma vida de conforto e prazer. Obviamente que nós sabemos da importância dele, e qualquer análise objetiva sobre o mundo que vivemos chega a mesma conclusão. Dinheiro é poder. Mas nem sempre você só ganha dinheiro. Existem inúmeras ocasiões que você perde.

 

Quando você perde dinheiro, dependendo das lições que você aprendeu e do seu lado psicológico forte, você pode recuperá-lo. Basta não levar pelo lado pessoal, aprender com os erros, colocar uma pedra no passado, e seguir em frente sem repetir os mesmos equívocos. Então você pode recuperá-lo.

 

Além disso, o dinheiro é infinito. Ainda mais na era em que vivemos – onde o dinheiro é todo digital- basta alguns apertões de botões e voilà! Temos dinheiro novo na tela do computador pronto para ingressar na economia.  Diferente dele, é o tempo.

 

O tempo é limitado, pois você nasce, vive (ou para a maioria das pessoas, apenas sobrevive) e morre. Uma vez que você tenha perdido tempo, ele se foi para sempre. O tempo perdido não é recuperável, diferentemente do dinheiro. Um ativo finito sempre será mais valioso que um ativo infinito. É a regra básica da sociedade que vivemos e também a lei mais conhecida da economia: quando mais escasso um bem, mais valioso ele é.

 

Quando criamos modelos, é porque almejamos alcançar aquele padrão determinado. Eu acredito que anti-modelos também são muito úteis. Em outras palavras, você percebe algo que você NÃO quer se tornar e faz de tudo para não se parecer com aquele modelo Portanto, vou apresentar abaixo os 5 erros mais comuns cometidos pelas massas quando o assunto é tempo.

 

Em questão de valor, dinheiro perde para o tempo. E o tempo só perde para saúde. Se você se alimenta saudável, faz exercícios físicos e evita o stress você melhora sua saúde. Se você melhora sua saúde, você alonga a quantidade de tempo vivo. Além disto, consequentemente aumenta a qualidade de sua vida. Então você tem uma situação win-win: ganha tanto na questão de quantidade como na qualidade de vida. Mais tempo vivendo e com prazer.

 

O tempo não é mensurado igualmente. Se você ganha dinheiro o mais cedo possível, você pode usufruir por mais tempo de uma vida boa. Já pensou se você atinge a independência financeira apenas aos 80 anos? De que vai adiantar você passar toda uma vida de restrições, visando usufruir apenas quando chegar na independência, e quando chegar lá… 6 meses depois morrer.  Além disso, um ano livre quando você tem 30 anos de idade é muito mais valioso do que um ano livre quando você tem 90. A sua capacidade de usufruir prazeirosamente 1 ano aos 30 aos é incomparável com o mesmo período aos 90.

 

As massas não conhecem o valor do tempo. O máximo que eles associam ao tempo é o valor de uma hora de trabalho.  E aqui cabe até uma pergunta: você prefere trabalhar um dia inteiro para ganhar 5 mil reais ou você prefere trabalhar um dia inteiro para ganhar 1 real por dia para sempre? Se você escolher ganhar 1 real por dia para sempre, parabéns. Você pensa no poder do longo prazo. A maioria absoluta das pessoas escolhe a primeira opção.

 

O tempo aumenta o seu valor de longo prazo. O tempo te recompensa por fazer as decisões certas. Se você faz as decisões corretas, os juros compostos destas decisões vão te recompensar imensamente. Veja por exemplo a regra dos 72. Se você assumir uma taxa média de crescimento de 7% ao ano, os seus ativos vão dobrar a cada 10 anos. Tome as decisões corretas e o tempo será seu amigo. Tome as decisões erradas e o tempo será seu inimigo.

 

O tempo é todo relacionado ao risco. Nós não sabemos se amanhã vamos acordar e ser atropelados. Não não sabemos se estamos fazendo as decisões corretas de longo prazo. O que nos sabemos é que o risco é relacionado ao tempo que você poderia estar fazendo alguma coisa. Portanto, o maior risco é você gastar o seu tempo não fazendo nada. A indecisão tem uma taxa de falha de 100%. Mesmo que você erre em 8 a cada 10 tentativas, sua vida será muito mais vitoriosa que um procrastinador que não toma decisão nenhuma.

 

Quanto mais o tempo passa, maior o risco de sua atividade profissional. Veja as mudanças. Várias atividades profissionais estão deixando de assistir. Inúmeros setores da economia estão mudando e alguns estão sumindo do mapa. E mesmo aquelas atividades que são bem remuneradas, dentro de um sistema empresarial, tendem a ser cortadas, pois a empresa sempre visa aumentar a sua produtividade, ou seja, cortar funcionários caros e substituir por funcionários mais baratos que façam o mesmo ( ou quase o mesmo). Se um funcionário experiente, calejado do dia a dia da empresa, começar a custar muito, eles não vão pensar duas vezes em trocar por alguns meninos de 20 anos, que juntos custam 30% do funcionário experiente.

 

BÔNUS – As Armadilhas de Tempo no Século XXI

 

Argumentar com pessoas em redes sociais. Quantas pessoas perdem horas discutindo com as outras nas redes sociais. E sabe o que é o mais interessante? No fim do dia, 50% das pessoas não vão gostar da sua opinião e outras 50% vão. Na média, é assim que funciona. Ninguém tem um nível de aprovação de 100%. Ninguém! Então não gaste seu ativo mais valioso com pessoas que não vão mudar de opinião e que não gostam de você.

 

Se preocupar com as opiniões de outras pessoas. A menos que você realmente queira ouvir aquela pessoa, a opinião de terceiros não tem valor algum. Por exemplo, se alguém consegue ganhar muito dinheiro, você talvez deva ouvir suas opiniões sobre negócios. Mas se esta mesma pessoa não consegue sequer fazer uma flexão, ela não é uma boa pessoa para ouvir sobre exercícios. Eu adoraria passar um tempo próximo do Warren Buffett para aprender tudo sobre investimentos, mas caso eu pudesse escolher o mentor para me ensinar sobre preparação física não hesitaria em trocar os conselhos do Oráculo de Omaha pela lenda viva do Arnold Schwarzenegger. Além disso, lembre-se que é tempo perdido viver a vida conforme os valores de outras pessoas. Crie seus próprios valores e viva de acordo.

 

E você? Como costuma analisar este ativo? O tempo entra na hora de você tomar suas decisões? Você já cometeu os erros deste post? E as armadilhas, você costuma ser pego nelas? Conte nos comentários!

 

Aproveite para se inscrever no canal e ser informado toda vez que aparecer um novo vídeo!

 

Se Inscrever no Canal do Termos Reais!

8 thoughts to “Os 5 Erros Cometidos Sobre o Ativo Que Vale Mais Do Que Dinheiro”

  1. Excelente, tempo é um ativo importante mais acredito que investir hoje é comprar tempo no futuro..
    Quando aos 5K eu pagaria na hora consigo 0,6 no mês 30 reais o resto juros compostos faz o serviço .
    abraço

    1. Fala Soldado do Milhão. Perfeito! Investir hoje é para comprar tempo no futuro. E o objetivo desta compra é justamente ter um futuro com melhor qualidade e quantidade, como eu menciono no post. No fim das contas, a saúde ainda está acima do tempo, pois sem ela o tempo passa a jogar contra você. Um forte abraço!

  2. Olá TR,

    Parabéns pelo post.

    Eu faria igual ao SM. Pegaria os 5k e investiria. Esse dinheiro iria trabalhar para mim. Por outro lado entendo você, no caso da massa. Eles pegaria esse dinheiro e iriam comprar passivos.

    Abraços.

    1. Obrigado pelo elogio Cowboy.

      Eu ficaria com a opção de ganhar 1 real por dia, para sempre.

      Nada ganha do tempo no longo prazo. Além disto, eu poderia utilizar cada real ganho por dia também pra investir.

      Um forte abraço!

  3. Muito bom o video, porém o exemplo dos 5000 foi infeliz. Pegando 5 mil em um dia e investindo o rendimento é maior que 1 real por dia.
    Hahahaha

    1. Obrigado pelo elogio Elivelton, mas acredito que você não compreendeu a importância do longo prazo, das escolhas corretas e dos juros compostos.

      Suponha que você tenha 30 anos. Vai viver até os 80. São 18.250 dias. Você vai ganhar R$1,00 por dia. Agora pegue cada real destes aí e aplique os juros compostos dos investimentos para você ver o tamanho que fica. Cada real que você ganha, automaticamente você investe. E os proventos são reinvestidos. Ultrapassa e muito os R$ 5.000,00, pois você está colocando juros compostos nos reais recebidos todos os santos dia, sem levar em consideração os juros compostos dos rendimentos.

  4. Olá TR!

    Muito pertinente o texto. Acho que a tecnologia e novas mídias vão continuar a fragmentar nossa atenção e demandar cada vez mais a noção de multi-tarefa. Ou seja, seremos exigidos a fazer muito mais com nosso tempo disponível, que continua escasso (ainda que a expectativa de vida aumente um poquinho a oferta).

    Abraço do DM!

    1. Fala Dono da Mascada! Bom te rever por aqui, meu caro!

      Sem dúvidas. As novas tecnologias estão brigando cada vez mais por nossa atenção, ou seja, nosso tempo! E está claro a importância deste último, visto a sua escassez.

      Forte abraço.

Leave a Reply